sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

Marreca-castanha (Anas castanea)

ZOOLOGIA - 544
CLASSE DAS AVES - 430
ORDEM ANSERIFORMES - 044
FAMÍLIA ANATIDAE - 043
GÊNERO ANAS - 035


ESPÉCIE: Marreca-castanha (Anas castanea) - Eyton, 1838 [LC].

               A Marreca-castanha (Anas castanea) é um pato dabbling da Família Anatidae. 

DISTRIBUIÇÃO GEOGRÁFICA
               Pode ser encontrada no sul da Austrália. Ele é protegido sob o Parques e Vida Selvagem sob Lei Nacional de 1974.

               A Marreca-castanha é comumente distribuída no sudeste e sudoeste da Austrália, enquanto vagam, pode ocorrer em outros lugares. Tasmania e sul da Victoria são reduto da espécie, e podem ser encontradas tão ao norte como Nova Guiné e Lord Howe Island.

DESCRIÇÃO
               A Marreca-castanha é mais escuro e um um pouco maior do que o Marreco-cinzento.

DIMORFISMO SEXUAL
               O macho tem uma cabeça de cor verde distintivo e corpo marrom manchado. 
               A fêmea tem uma cabeça marrom e corpo marrom manchado. A fêmea é quase idêntico na aparência do Marreco-cinzento.

VOCALIZAÇÃO
               A Marreca-castanha fêmea tem um penetrante loud "rindo" quack repetido rapidamente nove vezes ou mais.

HABITATS
               A Marreca-castanha prefere estuários e zonas úmidas costeiras, e é indiferente à salinidade. 

ALIMENTAÇÃO
               Este pássaro é um onívoro.

REPRODUÇÃO
               A Marreca-castanha formam pares monogâmicos que ficam do lado de fora da estação de monta, defendem o local do ninho e cuidam dos filhotes quando chocados. Os ninhos são geralmente localizado sobre a água, em uma arborização que dobram cerca de 6 a 10 metros de altura. Às vezes ninhos são colocados no chão, entre touceiras de capim perto da água. O filhotinho novo está pronto para nadar e andar dentro de um dia. 

GALERIA DE FOTOS: 32.































  

quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

Papagaio-diadema (Amazona autumnalis)

ZOOLOGIA - 542
CLASSE DAS AVES - 429
ORDEM PSITTACIFORMES - 062
FAMÍLIA PSITTACIDAE - 028
GÊNERO AMAZONA - 007


ESPÉCIE: Papagaio-diadema (Amazona autumnalis) - Linnaeus, 1758 [LC].

              O Papagaio-diadema (Amazona autumnalis), conhecido popularmente como papagaio-diadema, é uma ave da família Psittacidae, ordem Psittaciformes.

CARACTERÍSTICAS
              O papagaio-diadema mede entre 32 e 35 centímetros de comprimento e pesa entre 310 e 480 gramas. A cor básica da plumagem é o verde, com a fronte vermelha. A coroa é azul, chegando está cor em maior ou menor intensidade até a nuca. A face abaixo dos olhos e as bochechas são de cor amarela, dependendo, no indivíduo, a quantidade desta cor nessa parte. A mandíbula inferior e superior têm coloração branca, com regiões mais ou menos cinza, dependendo do indivíduo. A íris é alaranjada.

HABITATS
              Habita as florestas tropicais, matas de galeria e vegetação secundária. Observado desde o nível do mar até 1100 metros de altitude. 

DISTRIBUIÇÃO GEOGRÁFICA
              Sua distribuição estende-se desde o México até a Venezuela e o sul do Equador, havendo uma população disjunta no Brasil central.

REPRODUÇÃO
              A ninhada normalmente é composta de 3 a 4 ovos brancos. 
              A incubação dura entre 25 e 26 dias. 
              Após 70 dias depois de nascidos, os filhotes deixam o ninho.

TAXONOMIA
              O Papagaio-diadema foi incluído na nomenclatura científica atual por Linnaeus na décima edição de seu Systema Naturae, em 1758. 

SUBESPÉCIES
              Existem quatro subespécies:

GALERIA DE FOTOS: 30.